fb Simet: entenda o que é, para que serve e como funciona
Logo MikWeb
Logo MikWeb

Simet: entenda o que é, para que serve e como funciona

MikWeb

16 de maio de 2024 - 4 minutos de leitura

Roteador branco semelhante a um aparelho Simet Box, com cabo ao lado, em um fundo amarelo.

Como é feita a medição de rede e o acompanhamento da qualidade da conexão de internet no seu provedor? Saiba que o Simet surge como uma solução inovadora para atender essa necessidade constante de medições e verificações de rede.

Dado que uma conexão de internet robusta se tornou essencial para os usuários, compreender e utilizar o Simet pode ser um divisor de águas para o seu provedor de internet se destacar no mercado.

teste gratuitamente o sistema para provedores de internet da MikWeb

Pensando nisso, a seguir abordaremos o conceito de Simet, explicaremos para que ele serve e como ele pode ser aplicado no seu ISP.

Confira!

O que é Simet?

O Simet, uma ferramenta desenvolvida pelo NIC.br (Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR) é o nome dado ao Sistema de Medição de Tráfego Internet. Este sistema é amplamente utilizado para avaliar a qualidade da conexão à internet dos usuários de um ISP.

O Simet oferece um diagnóstico preciso e detalhado sobre a velocidade de download e upload, além de medir a latência da rede. Essas informações são cruciais para os profissionais da área de TI que buscam otimizar a conexão de rede do provedor.

Para que serve o Simet?

Através do Simet, os ISPs conseguem mensurar, além dos parâmetros já mencionados, o jitter e a perda de pacotes. Essas métricas são fundamentais para entender o desempenho da rede e identificar possíveis problemas que possam afetar a experiência do usuário.

Ou seja, a utilização dessa ferramenta vai além da simples medição de velocidade. Ela representa uma abordagem proativa para a gestão da qualidade da rede.

Ao monitorar constantemente esses indicadores, o provedor pode antecipar-se a situações que demandariam atenção imediata, como congestionamentos ou falhas na infraestrutura. Assim, é possível realizar ajustes e melhorias antes que os usuários finais sejam negativamente impactados.

Além disso, adotar o teste do Simet como parte da rotina operacional do ISP reforça o compromisso com a transparência e a qualidade do serviço prestado. Isso porque os resultados obtidos podem ser compartilhados com os clientes, demonstrando a capacidade e a eficiência da rede.

Afinal, em um mercado cada vez maior, essas práticas podem diferenciar um provedor dos demais, contribuindo positivamente para a sua reputação e credibilidade no setor.

Como essa ferramenta funciona?

O funcionamento dessa ferramenta ocorre em diferentes etapas. Primeiro, servidores distribuídos pelo Brasil realizam testes de conexão com os servidores do provedor, coletando dados sobre a qualidade do serviço oferecido.

Em seguida, esses dados são processados e analisados, gerando relatórios detalhados sobre o desempenho da rede. 

Com base nesses relatórios, o provedor pode identificar e corrigir eventuais falhas ou gargalos, além de acompanhar a evolução da qualidade do serviço ao longo do tempo. .

Como executar o Simet?

Essa ferramenta possui diferentes versões (mobile, box e web). Porém, o mais indicado é que os provedores de internet optem pela versão box, pois essa é a solução mais robusta e completa disponível para monitoramento e gerenciamento de redes.

A versão box é instalada em um hardware dedicado e oferece maior capacidade de processamento, armazenamento e disponibilidade, garantindo um desempenho superior em comparação às versões mobile e web.

Do ponto de vista técnico, o Simet box conta com um conjunto mais abrangente de recursos e funcionalidades avançadas. Ele realiza a coleta e processamento de dados de desempenho da rede de forma mais profunda e detalhada, permitindo análises mais precisas e granulares.

Além disso, essa versão suporta a integração com uma gama maior de equipamentos e protocolos de rede, o que a torna mais flexível e escalável para atender às necessidades de provedores de diferentes portes.

O Simet box também se destaca por sua alta disponibilidade e confiabilidade. Ele é projetado para operar continuamente, com mecanismos de redundância e failover, minimizando o risco de interrupções ou perda de dados. Essa característica é crucial para provedores que exigem monitoramento constante e ininterrupto de suas redes.

Por que optar pelo Simet?

Após entender melhor sobre essa ferramenta, uma pergunta pode surgir: por que escolher o Simet dentre as outras opções disponíveis no mercado?

A resposta está e um dos grandes diferenciais da ferramenta, que é a sua independência e credibilidade. Diferentemente de outros testes disponíveis, o Simet é operado por uma entidade sem fins lucrativos, garantindo que os resultados obtidos sejam imparciais e não influenciados por interesses comerciais.

Além disso, a plataforma utiliza uma tecnologia sofisticada que minimiza as interferências externas durante os testes, proporcionando resultados mais precisos.

Portanto, concluindo o artigo de hoje, detalhamos o que é o Simet, deixamos clara a sua relevância para todo ISP, falamos como a ferramenta funciona e trouxemos dicas de como ela deve ser utilizada para obter os melhores resultados.

Assim como essa ferramenta ajuda o seu ISP a entregar mais qualidade ao seus usuários, conte com o Sistema MikWeb para otimizar a gestão do seu provedor e garantir um gerenciamento adequado para fornecer um desempenho cada vez melhor aos seus clientes. Acesse nosso site e saiba mais!

Fique por dentro das atualizações e novidades

Deixe seu e-mail e fique por dentro de todas as novidades sobre
gerenciamento de provedores

Entre em
contato conosco

Insira os seus dados e entraremos em contato o
mais breve possível.

Contato

São Paulo: (11)3230-0887

Bahia: (71)4042-2333

Minas Gerais: (31)4042-1012

Rio de Janeiro: (21)2042-0771

Pernambuco: (81)4042-1399

Nosso atendimento é de Segunda à Sexta feira das 08:00 as 17:00, sábados das 08:00 as 12:00.